quinta-feira, 30 de julho de 2009

Alice in the wonderland



Aliice no país das maravilhas ! eu fui marcada por esse desenho na minha infância - tá, mentira. Quando eu era menor não gostava neem um pouco dele, eu sempre achava aquelas cartas que andavam meio idiotas IOSADOIJDASOJIA, os dois únicos personagens que eu gostava eram aquele gato-fantasma-rosa (e eu não lembro do nome dele em português), Cheshire cat, e o chapeleiro louco - eu acho.

Resumindo: uma versão nova do Alice no país das maravilhas será lançada em março ou abril de 2010, sendo a história um pouco modificada por Tim Burton. Alice volta no país das maravilhas, agora mais velha, não lembrando o que acontecera desde sua última ida.

Quem interpreta o chapeleiro louco é o Johnny Depp - adoro ele - a rainha branca é a Anne Hathaway - odeio ela... mentira.



Eu adoreei o trailer, o filme vai ser em 3D e eu quero que chegue abril de 2010 logo D: .

Trailer :

video


Eu posso até ser um pouco exagerada, ok, mas o Cheshire cat tinha que ser rosa OISADOJISDAJOIASD.

bgss :*

sábado, 25 de julho de 2009

Buddy Holly Glasses

Oiii amores. Então, o assunto são os óculos geek.
Eles estão na moda e, pra variar, eu tinha que postar sobre eles.

Demi Lovato e Hillary Duff

Demi Lovato resolveu combinar o óculos com o cabelo e Hillary com a roupa, que eu sinceramente achei linda.


Justin Timberlake e anônima

Justin combinou os óculos nerd com o terno cor creme-ou-bege.

Mary Kate Olsen e Madonna

Mary Kate escolheu os óculos geek para combinar com sua roupa boyish e Madonna não largava o óculos durante a turnê "Sticky & Sweet", também pelo Brasil.

Ah, até que é bonitinho, tenho que concordar – exceto na Madonna UAHUAH.

E, pra terminar o post de hooje:

Combine os óculos Geek com

* Peças com estampa xadrez

* Camisas, blazers e coletinhos

*Minissaias com meias ¾ e sapatinho boneca

* Camisa pólo, que fica ótima com calça jeans e saia rodada

----

ah, em resposta ao post do batman, não vai lançar nenhum terceiro filme , infelizmente. A Warner bros já anunciou os próximos lançamentos nos próximos 2 ou 3 anos, isso porque Nolan tinha imaginado o terceiro filme com o coringa.

beeijos, beijos. :*

- e em relação ao frio, eu estou totalmente resfriada e não acho que frio seja bom nessas horas ASDUIASDHUIASD, vocês também devem ter notado um certo mau humor nesse post OIASJOSDIAJIASD. queria um capuccino e cookies ):

Elle e Marie Claire ; Elizabeth

Oi oi :D
Recado atrasado: A Elle e a Marie Claire desse mês, julho, trazem uma matéria sobre as Pin Ups. Tipo, amooooor maior meu. HEAUHEUH. A Marie Claire explora mais a área burlesca, dos shows, da Dita Von Teese, de que o burlesco ta chegando no Brasil e tal.
A Elle dá mais a definição... tradicional, digamos assim. Conta mais da origem da Pin Up, do termo pin up, da Dita Von Teese de novo e dá dicas de lugares retros. Tá maara. HEAEUAEHA.
Eu sei, eu sei, quase virando o mês e eu pondo isso aqui agora... Mas antes tarde que nunca –qqqqqqqqqqq :D


Enfim, aaah, outra coisa, olha que lindo que aconteceu comigo: Sábado passado fui pegar um filme com a minha mãe, fim do dia, nada pra fazer. Ficamos em dúvida entre o “A outra” e “Elizabeth”, mas acabamos escolhendo o “Elizabeth”. Ok, voltamos pra casa. Fomos comer pizza, zapeei entre os canais tentando achar um que prestasse... Novela não, novela não, programa de Deus não, Beyoncé rebolando não... Paro na Band, que anunciava que logo ia dar um filme. Ok, deixamos o Elizabeth para mais tarde. Aí o apresentador do programa começa a dar a sinopse de um filme meio familiar... Como se eu já tivesse ouvido, sabe? Quando vê, ele anuncia, “Fiquem então com Elizabeth!” ou algo assim. QUEEE? Elizabeth... mas não é o filme que... Pouco tempo depois aparece a Cate Blanchett dando palminhas num gramado verde extenso com outras menininhas histéricas e risonhas com aqueles vestidos antigos volumosos. NAAAAAAAAAO, era Elizabeth mesmo. Que ódio, que ódio no coração. A gente deixou de pegar o A outra pra pegar um filme que ia dar na TV, sério, que azar e tooontas. HEUAHEUAH Só foi engraçado porque a gente começou a rir: “Naaaaaaaaao! Não acredito (risadas) se maaaaata”.
Família feliz. HEUAHEUAHE. Mudamos de canal e comemos pizza, fim da história.

Hm, acho que hoje vou ter que repetir a dose. Ta frio, muuuuuuuuito frio aqui em Canoas e AAAAAAH, to tão feliz. HEUAHEUAHE. Ta tão gostoso assim, esse frio congelante. :D Sério, eu falo isso e todo mundo “Ai que horror de frio!”. Eu to com vontade de fazer cookies, de tomar um capuccino, caminhar nesse sol, ler um livro... Ai, eu to romântica demais. Beijos gente, aproveitem o inverno qqqqqqqqqqqqq :*

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Cinema de quinta

Eu fiquei pensando no que poderia postar pra hoje, assim, de imediato. E percebi que não tenho nada de muito útil pra postar. Aí como eu to meio muito grogue, e não fiz nada nesse fim de semana, vou contar do meu cinema de quinta. Quinta de quinta-feira.
Ok, estávamos lá, eu e Milena, na fila pra comprar os ingressos para ver Harry Potter, e o príncipe mestiço. Ah, não é príncipe mestiço, é enigma do príncipe, né? Whatever, a gente tava lá e eu louca pra ver, bem nerd mesmo, um dia após a estréia. Quando chegou a nossa vez, a Milena comprou o dela primeiro, mostrou carteirinha de estudante pa pa pa, todas as frescurinhas, apresentou identidade e fine, ingresso na mão.
Minha vez, a tia do guichê me cobrou o ingresso inteiro porque eu ainda não tenho a minha carterinha feliz, mas ok, eu sabia que ia pagar o inteiro. Dei o dinheiro, a tia com o ingresso prontinho pra me entregar e ela pergunta:

“Quantos anos tu tem?”.
Eu fiquei, hã? Olhei pro cartaz perto da gente e a classificação indicativa era de 10 anos... PELAMORDEDEUS!
“13”, eu respondi.
Aí a tia:
“Tu tem identidade ou algum documento que comprove que tu tem 13 anos?”
QUEEEE? Nunca pediram nada, nem pra filmes com classificações mais altas e agora eles resolveram cobrar? Logo na minha vez? Deu vontade de dizer:
“Olha, tia, na verdade eu acabei de fazer oito anos. Ooooito anos, inteirinhos. E eu vou fazer uma festa da Barbie, tudo rosa!”
“Ta, mas ta na cara que ela tem 13 anos!” disse a Milena.
A tia fez cara de “não posso fazer nada” e isso me deu mais raiva. HUAHEUA.
“Desde quando vocês resolveram pedir identidade? A gente veio não faz muito tempo e não tinha essa história”
Sim, aí você se pergunta: Mas a Thaís não podia mostrar a jouça da identidade? HAHA, era esse o problema, eu ainda não fiz uma. É, não fiz. Breve historinha sobre eu e a identidade: Quando era menor, da faixa dos 6 aos 10 anos, por aí, um dos meus sonhos era tirar identidade. Junto com o sonho de ter celular, que ninguém queria me dar. “Ah, mas agora eu podia estar jogando o joguinho da cobrinha, e eu não tenho nada pra fazer!” Sem malícias pra cobrinha, ok? HEUAHE O mais legal foi que quando eu finalmente ganhei o sonhado celular, eu nunca tava com ele. Nunca, nunca e sempre brigavam comigo: “Pra que é que tu tem celular, hein?!”, além do fato de ninguém me ligar (oh, por que será?) e eu nunca jogar o tal joguinho da cobrinha. Enfim, voltando a identidade, meu soooonho era poder tirar uma foto 3x4 (eu adorava tirar fotos, ser filmada...), molhar meu dedo na tinta e carimbar naquele papel e depois poder assinar meu nome, bem bonito e cheio de estrelinhas e riscos e coraçõezinhos. Meu sonho, juro.
Só que na época me diziam que era muito cedo pra eu tirar identidade, que depois eu ia estar grande e com a identidade com a foto de eu mais nova, desdentada e fofinha. Eu não aceitava isso. Por acaso eu ia crescer mais que aquilo? Eu já era muuuuito grandinha e podia, sim, tirar identidade, humpf. Mas não adiantava, ninguém acreditava em mim. Aí agora, que já dá pra tirar identidade, porque eu não vou mudar tanto assim, eu nunca tiro. Não é birra, é que dá pra ir levando assim, sem identidade. Claro que é meio constrangedor ter que levar às vezes certidão de nascimento para comprovar a minha idade... Mas é apenas um detalhe. E foi ficando: “Ah, tem que tirar tua identidade, filha”. Tem mesmo, mas fica só nisso. Certo, a minha breve historinha ficou meio comprida... HEUAHEU
Tá, voltando ao cinema: a tia do guichê e as pessoas da fila olhavam pra mim e a Milena impacientemente. Eu juro que comecei a ficar com medo. A tia respondeu ao meu comentário de antes, com expressão de descaso, tipo “ah dane-se”.

“Era pra se pedir identidade sempre...”
“Mas não tem como tu nos liberar? Eu já comprei o meu ingresso e tudo...” A Milena choramingou.
Aí a tia do guichê nos olhou como se do nada ela tivesse percebido que, inacreditavelmente, a gente só queria ver o filme.
“Olha, eu posso até liberar o ingresso, mas as outras gurias podem barrar vocês” ela disse.
Ela quis dizer, que na hora que fossem pegar nosso ingresso e carimbar e deixar a gente entrar na sala de cinema, as ooutras tias podiam pedir identidade também.
“Tem como devolver o ingresso, né?” eu quis me certificar.
“Sim, tem” ela respondeu.
A tia fez cara de “oh droga, to fazendo coisa errada” mas me entregou o ingresso. Ok, conseguimos. Saímos meio irritadas e saltitantes, permitindo que a fila andasse. Irritadas porque não foi tão fácil assim conseguir um ingresso, e saltitantes por ter ao menos conseguido comprar o ingresso. Depois de termos reclamado bastante do incidente no cinema, caminhado pelo shopping, entrado em algumas lojas e termos conversado um pouco, vimos que já estava na hora da nossa sessão.
Compramos pipoca e tal, e nos encaminhamos pra entrada, onde nos esperavam – mentira- dois atendentes. Nós estávamos um pouco confiantes demais, ou esquecidas, sobre o fato que a tia podia não nos deixar entrar e o máximo que ia acontecer era a gente ter o dinheiro de volta e ter que comer a pipoca sentadas numas mesinhas ali por perto. Ok, entreguei o meu ingresso e o da Milena pra atendente que estava com o carimbo, esperando que ela não chiasse e logo dissesse: “Sala 12” ou algo assim, com a costumeira rudeza e frieza que todos os atendentes de todos os lugares parecem ter.
A atendente chegou a carimbar o meu, ia carimbar o da Milena e parou.

“Vou precisar da identidade e carteirinha de estudante de vocês, gurias”.
Opa! Droga, droga, droga... Olhei pra Milena, que inexpressivamente pegou a carteira dela da minha bolsa e entregou carteira de estudante identidade pra atendente. A tia examinou os documentos e o ingresso, e sem mais, disse com a costumeira rudeza e frieza:
“Primeira sala à direita”.
Eu fiquei: QUEEEEEE?! Ela tinha se esquecido de pedir a minha identidade... Tentei respirar calmamente e reprimir um sorriso que certamente me denunciaria. Entramos na sala calmamente... Me virei pra Milena já pulando e comecei com gritinhos nervosos. “Ela esqueceu! Eu consegui entrar! Esqueceeeeeeeeeeeeram!” Íamos assistir Harry Potter, e acho que a emoção toda nem foi por poder assistir o filme, no final das contas. Nunca vi tanta aventura pra poder assistir um filme.

-------------------------

Aê galerë, história emocionante. HUHEAUHEUAHEUAH
Aaaaaaaaaaah foi joinha, no mínimo.
Muitos beijos, muitos beijos. :*

Amigo, estou aqui

Como todos - ou quase todos - sabem, dia 20 de julho é dia do amigo.
Tudo bem que a maioria das pessoas acha que dia do amigo é uma data comercial que nem dia das mães, dos pais, dos avós, da criança, natal, páscoa ... por aí, mas não é assim que eu penso. O dia do amigo, pra mim, serve pra lembrar das pessoas que estão esquecidas, ou dos amigos da quarta série que eu nunca mais falei.
E pra falar a verdade, eu nunca compro presente pros meus amigos , quero dizer, não é preciso. Dia do amigo não é um aniversário ou coisa assim, nós só precisamos lembrar dos amigos - ou ex-amigos - e ligar, conversar, saber que eles tem - ou tinham - uma amiga ou amigo.

[formal] Se você, caro leitor, não tem um amigo, você é um pobre coitado [/formal]
Todos contam, até bichos de estimação UAHUAHA

sexta-feira, 17 de julho de 2009

10 coisas que eu odeio em você



Baseado na peça “A megera domada” de William Shakespeare, 10 coisas que eu odeio em você, – já que a Thais tocou no assunto – é um filme Mara de 1999. Mesmo sendo velho, já ter passado na globo, e meio abobado, eu consegui viciar nele. E ainda, eu nunca tinha assistido até ano passado!É PERFEITO, Tem o Heath (e ninguém interpreta o Patrick igual, HAHA), a história é um amorr e eu ri muuito
Enjoy.

Patrick e Joey

Bianca Stratford, a garota mais popular da escola, quer namorar com Joey, mas seu pai só permite que ela namore caso Kat, a irmã mais velha, se comprometa primeiro com alguém. Então Cameron, apaixonado por Bianca, impõe um plano para que Patrick Verona, conhecido como mal encarado da escola, namore com Kat, para ele poder namorar Bianca.

Cameron e Bianca

Elenco: Heath Ledger, Julia Stiles, Joseph Gordon-Levitt, Larisa Oleynik, David Krumholtz, Andrew Keegan, etc…
Gênero: Comédia
Tempo de Duração: 97 minutos
Ano de Lançamento (EUA): 1999
Classificação Etária: 12 anos
Trailer Oficial( a Thais ja postou semana passada ) : video
Cameron e Michael
-
Poema do filme:
"I hate the way you talk to me, and the way you cut your hair.
I hate the way you drive my car.
I hate it when you stare.
I hate your big dumb combat boots, and the way you read my mind.
I hate you so much it makes me sick; it even makes me rhyme.
I hate it, I hate the way you're always right.
I hate it when you lie.
I hate it when you make me laugh, even worse when you make me cry.
I hate it when you're not around, and the fact that you didn't call.
But mostly I hate the way I don't hate you. Not even close, not even a little bit, not even at all".












invejiinha
Patrick e Kat


Beeijo :*

terça-feira, 14 de julho de 2009

Nolan não vai dirigir suposto terceiro filme do Batman ?

Filme 1, Batman Begins

Segundo a algumas fontes, Christopher Nolan – Diretor dos dois primeiros filmes do Batman –
Pode não dirigir o terceiro filme do Batman, a continuação do Cavaleiro das trevas. A especulação saiu de dentro da própria Warner Bros e foi difundida através do site IGN. Portanto, apesar das incertezas, isto não é um rumor.
A razão exata ninguém sabe, mas uma coisa é certa, ele ficou muuuito abalado, que nem eu, com a morte de Heath Ledger ( meu amor GALÃ DEEMAIS UAHUAHA ♥ ), o qual interpretava o coringa.
A morte não abalou só a ele, Christian Bale – que já tinha trabalhado com o Heath antes de Batman – também foi “afetado” por ela e depois de esperarmos por notícias, ele diz :

“Nós vamos fazer um terceiro filme? Então tem que ser a história certa. Você não pode fazer algo como “O Cavaleiro das Trevas” e depois aparecer com algo desapontador. Se as pessoas dissessem ‘você nunca vai fazer um terceiro filme bom’ eu diria ‘Ok, então vamos fazer um terceiro filme e provar que eles estão errados’, mas sou só eu, digo, eu tenho que fazer, eu assinei, o Chris (Nolan) não. Então eu estaria encrencado se ele dissesse que não quer fazer”.
( na foto acima, Christian Bale)

E ainda, é óbvio mesmo que Nolan é o principal nome para assumir a direção de Batman 3. Mas, infelizmente, não é o único. Nolan pode ser substituído, se quiser largar o posto de diretor do terceiro filme, e a Warner Bros Pictures já escolheu um substituto: Zack Snyder.
O site IGN procurou o roteirista do filme, David Goyer, para comentar o assunto. Mas ele só aumentou dúvidas, rs.

“Ele disse que, se encontrarmos uma história que o agrade, poderia retornar. Infelizmente, temos que respeitar sua decisão… Mas fale com o Chris depois que ele terminar Incepction, o qual já começou a rodar”, comentou.

Na verdade, Goyer pouco resolveu as dúvidas sobre o status da sequência de O Cavaleiro das Trevas. Questionado sobre o roteiro, ele só afirmou que “continua discutindo” idéias com o resto da equipe.

Parece que a Warner quer Batman 3 com ou sem Christopher. Mas a pergunta é: o terceiro filme vai sair?

Filme 2, Batman - o cavaleiro das trevas ♥



raiva que dá, uashuahuheuahe

bgss :*

segunda-feira, 13 de julho de 2009

"10 Coisas Que Eu Odeio Em Você" Vira série


VOCES VIIIRAM?! O filme "10 Coisas Que Eu Odeio Em Você" vai se transformar numa série produzida pelo canal pago ABC Family. DEUS, se mata! HAHA
Tipo, não gostei muuuuito do trailer; e acho que a série nao vai ser lá essas coisas.

Mas aí você pensa, baita conservadora a menina, nem viu o novo e só gosta do mais antigo.
Só que o original é meigo, e o Patrick Verona era um bad boy sexy, muuuito sexy. Interpretado por quem, por quem? pelo Heaaaaaaath ledger *-* que fazia a linha i dont care, me come. HAHA E o novo da série se salva mais pela voz forte, ficaadica.

Pra quem nao sabe, 10 Coisas Que Eu Odeio Em Você é um filme muuuuuito fofinho da década 90 HAHA, bem comédia romantica. Tem a Julia Stiles e o Heath Ledger, e é é baseado em A Megera Domada, famosa obra de William Shakespeare.

Saquem a diferença...
Trailer do filme:

video


Trailer da série:


video



Ok, ok, pode ser implicância minha só porque não tem o Heath Ledger e ninguém faz melhor que ele, HAHAH (6)
Não, sério mesmo, queria ver a série pra ver se ela não me surpreende e acaba sendo legal. Maaaaaas, nao é o que parece. Vamos esperar.

'
Bgggggs :*

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Abbey Dawn - Avril's clothes

OOOI PESSOINHAS! Sidojasdiasdjioasdjiasd;

Eu decidi postar sobre uma grife e – eu acho

– que tem roupas LINDAS e ainda mais, Avril que é a designer.


A marca Abbey Dawn – Grife da Avril – qual o nome foi

originado pelo apelido de infância dela, foi lançada em julho de 2008 pela própria.

Além de ser designer, Avril confirma que usa as roupas e que a inspiração de tudo foi o próprio guarda-roupas.

Em uma entrevista com a Just Jared, Avril fala sobre o Abbley Damn:"É tudo que eu uso. Eu tenho um estilo muito particular e quero que as roupas tenham um preço acessível", contou. A cantora tem como parceira a grife americana Kohl’s.

A grife vende acessórios como brincos, pulseiras, relógios, bolsas e sapatos e também roupas.

Aqui vão algumas roupas e alguns acessórios:

Amei esse relógio

Se o estilo da Avril é esse, eu definitivamente AMO ele.

A grife nos EUA é barata, por exemplo: um relógio custa 16 dólares e um brinco custa 5.Por enquanto a grife só está disponível nos EUA, mas vale a pena esperar.

beeijos


Abbey Dawn comercial da kohls
video

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Dorothea's Closet Vintage

Quem estiver dando uma passadinha em Iowa, nos EUA, mais especificamente em Des Moine, e como eu, gosta de coisas vintage, hmmm, está feita! Lá tem uma loja que eu já to pensando que quando eu for pra NY, eu vou de escala e dou uma passada lá EHAUHEU. Não sei como eu vou fazer uma escala em Iowa indo pra NY, mas... isso é apenas um detalhe. HEUAHE

Enfim, o nome da loja é Dorothea's Closet Vintage e eu gameeeeeei nas roupas, e só pelo site. Se na loja tiver só o que o site mostra eu já tava feliz, muuito feliz. :D

Tem lingeries, sapatos, chapéus, bolsas, e rooooupas! No site as roupas tão divididas por décadas, e tem desde os mais recentes anos 80 até 1800-1920!

é tudo muito me-dá!


Vestido da época 1800-1920.



Vestidos dos anos 50, cintura sempre marcada... a minha década for sure favorita!



o hippie dos anos 70 e o jeitchenho comportado dos anos 20.



Cloche dos anos 20.



Vestidos de casamento! o da esquerda é dos anos 50, e o da direita, dos 40.

oooown, se me der a louca e eu (tiver fumado uma e estiver esbanjando e eu estiver afim de ir contra meus princípios) um dia me casar na igreja, eu vou me casar com um vestido beeem daquele jeito, o mais vintage que eu achar :D



Lingeries!! *o* o sutiã é dos anos 30 e muuuuito madonna :D
E a cinta liga, eu nao sei, mas eu queeeero! É tão vintage, tão retrô... tão pin up! EHAUEHAUH
Ahhhh, eu queria tudo [ shopaholic mode on]
'
Hm, eu ia por mais umas coisas, mas aí eu ia me empolgar demais; então fica a dica aí da loja.
Dá pra pegar idéias de vestidos, ao menos. E mandar fazer, sei lá. :B
Essa foi uma das lojas vintage que mais me agradaram, então quem quiser, tá aí o site:
'
Beijosmil :*